Tenda Espírita Caxana

Fé e Caridade

Data Comemorativa : 23 de Abril

O culto a São Jorge foi disseminado na cidade de Dióspolis, na Palestina. Acredita-se que tenha sido martirizado nesta região por volta do final do século III até o século VI.
A imagem que temos através de historiadores de São Jorge é a de um homem muito bondoso e corajoso, porém, as histórias que envolvem este santo não possuem embasamento seguro, pois muitas lendas acabaram sendo anexadas à sua história de vida verdadeira.
O livro Lenda Áurea, por exemplo, uma publicação da Idade Média, nos traz um São Jorge que teria sido paladino na Capadócia. Já em Silene, na Líbia, conta-se que ele teria salvo uma mulher que se encontrava e apuros nas garras de um dragão.
Mas o que há de mais certo nesta história é que ele teria sido vítima da perseguição aos cristãos feita por Diocleciano.
Foi preso na Nicomedia sendo torturado e morto por decepamento de sua cabeça.
Ninguém sabe porque São Jorge se tornou o padroeiro da Inglaterra e um santo tão prestigiado na Irlanda. Sabe-se apenas que seu nome já era muito conhecido nestes países antes mesmo da invasão sofrida por eles da Normandia.
O que nos leva a crer que foram os cruzados que tanto divulgaram a devoção a este santo em toda a Europa.

Ogum na Umbanda é São Jorge. Por sua personalidade forte de guerreiro, sendo conhecido pelos seus fiéis como "santo forte", "vencedor de demandas", "general da Umbanda", etc.

São Jorge é extremamente popular e, através de sua sincretização com Ogum, tornou-se o padroeiro da guerra e da tecnologia, simbolizando todo aquele que trabalha nas linhas de frente, abrindo novos caminhos e alargando fronteiras.

? fácil entender o porque da grandeza de Ogum, já que ele foi o escolhido, pelo Criador, para ser o comandante de todos os Imalés.

Ogum é o rei do ferro e protetor de todos os que venham a trabalhar com instrumentos metálicos. Conhecido e festejado na África como padroeiro da Agricultura.

Ogum é o orixá que vence demanda, que protege seus filhos e guarda sua casa. Ogum é um orixá que vira na esquerda, pois é chefe de Exu, pois enfrentou eles e obteve respeito dos mesmos, essa característica também pode ser percebida uma vez que seu nome aparece também em pontos cantados de Exu. Sua imagem é de São Jorge sobre o cavalo, mas também pode ser uma imagem de um Ogum especificamente (dependendo do terreiro).

Na Umbanda, Ogum continua comandante (Tata) e guerreiro invencível.