Tenda Espírita Caxana

Fé e Caridade

? conveniente assinalar que a falta de amizade dos cônjuges cria no lar o aborrecimento, a desconfiança e a intranqüilidade, onde as almas padecem por ignorar a necessidade do perdão nesse terreno sagrado chamado lar.
Lembra-te de que todos nós, no mundo e fora dele, estamos em regime de aprendizado e o preço dessa disciplina é bastante alto na seqüência do nosso viver.
Teu lar é algo do céu a te procurar na terra; é uma universidade em miniatura, com muito mais perfeição do que todas as outras do mundo. Basta dizer que no lar podes assistir ao maior espetáculo fenomênico, a gestação de uma criança, o fenômeno do crescimento e a grandeza do amor. O lar é também um grande laboratório em plena função, na vida e pela vida.
Convém lembrar que nas questões referentes ao lar, o certo não é o predomínio de nossas idéias e sim a maneira que elas não firam a ninguém. Respeita o direito dos outros, pois esse modo de vida requer que sejas igualmente respeitado pelos irmãos que te cercam.
Faze o que puderes para ganhar a simpatia dos teus companheiros de jornada entre as quatro paredes. Eles são os teus semelhantes mais próximos no esquema evolutivo a que pertences. Não é fácil viver, sob o mesmo teto, com pessoas com as quais não temos sintonia. Todavia, tua consciência estimula o raciocínio e a inteligência para que encontre os meios de conquistar a paz.
Se trabalhares teus sentimentos no intuito de transformar tuas ilusões, sentirás no amanhã a fartura de frutos e a vida te acumulará de graças por todo teu labor. Se empenhe na reconciliação, aprimore a amizade e procura sintonizar-te com todo o bem que existir nos corações dos teus companheiros do lar, para que, dentro da tua casa, os teus filhos vivam seguros e orientados para novas vidas.

LIVRO: Ele e Ela
AUTOR: João Nunes Maia
DITADO PELO ESPÍRITO: Maria Nunes